Estado Forte

Nos momentos de grande aflição os povos precisam de quem lhes garanta as respostas necessárias. A pandemia que nos assolou veio demonstrar como é fundamental garantir que quem nos Governa possa assegurar com qualidade as funções de soberania, como a representação externa, a segurança e a proteção, através do acesso a direitos básicos como a saúde, a educação, a justiça e a dignidade. No
Ler o artigo completo...
Comentários

Tsunami

A pandemia provocou um tremendo abanão na nossa sociedade. Se fosse um terramoto teria rebentado com a escala de Richter com que se mede a magnitude dos sismos.  Estamos agora afanosamente por entre os “escombros” a procurar salvar vidas, empregos, empresas e instituições fundamentais para vencermos a ameaça e voltarmos a uma normalidade diferente.  O
Ler o artigo completo...
Comentários

União Europeia - Boletim Clínico

A pandemia que assolou o mundo fez adoecer gravemente a União Europeia. Alguns dos seus Estados membros são dos que mais contam com infetados e óbitos. A resposta inicial foi descoordenada e não solidária e o debate sobre o financiamento que separou os países menos ricos dos chamados frugais e em particular da Holanda, levou a parceria aos cuidados intensivos e com risco de necessitar de múltiplos
Ler o artigo completo...
Comentários

Casa à Vista ( FINAL)

Hoje é Domingo e o Visto da Casa chega ao fim, através da publicação dum efémero e singular Casa à Vista. Até sempre e obrigado a todos os que deram sentido a esta partilha. Desde que comecei a publicarestas reflexões diárias, em 16 de março, já passaram 9 Domingos e 62 dias. Chegou o momento de parar. Já sinto saudades, mas como diz o povo, o que é demais é fastio.A
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (16/05)

O Governo anunciou as regras da segunda fase de desconfinamento. Ultrapassámos com esforço e determinação duas etapas difíceis. Alguns perderam a vida e outros viram-na a andar para trás e anseiam por inverter o caminho. Enquanto povo temos que continuar em frente, corrigir erros e insuficiências e manter o rigor coletivo que nos tem permitido suster
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto Casa (15/05)

Valentina não morreu de COVID19. Escrevo e colaboro regularmente em diversos órgãos de comunicação social nacional e regional e por isso fiz deste diário de confinamento um espaço de reflexão focado na forma como sinto o impacto da pandemia na minha vida e na vida daqueles que conheço, visto a partir de casa e dos espaços a que a partir dela vou acedendo.Evito por
Ler o artigo completo...
Comentários
Ver artigos anteriores...