Negação (Gaspar Nega 3 vezes)

Desde o inicio da legislatura os portugueses foram confrontados com 3 momentos altos na definição das políticas e dos objectivos da governação.Na primeira delas, o Primeiro-Ministro anunciou em nome dum deficit colossal nunca demonstrado, o corte de 50% do Subsídio de Natal, o que significa uma subida de impostos sempre negada na campanha eleitoral. Algum tempo
Ler o artigo completo...
Comentários

Europa; Inovação ou Morte (Foreign Policy - Ed. Lusófona - Agosto)

Na minha vida nunca ouvi falar com tanta insistência na morte do projecto europeu. A repetição da ideia vai por um lado credibilizando a hipótese duma desagregação da construção europeia e vai banalizando por outro lado a linha de fracasso que lhe está subjacente. A consequência dessa banalização é uma certa erosão
Ler o artigo completo...
Comentários

Portugal 2014 - País Global? (artigo publicado na revista Frontline de Agosto)

As projecções do Banco de Portugal e das principais agências europeias e mundiais de avaliação não deixam esperança para o crescimento económico ou para a redução do desemprego em Portugal nos dois próximos anos.Em teoria 2012 e 2013 serão anos de recessão controlada para garantir a consolidação
Ler o artigo completo...
Comentários

Tripla (Uma solução integrada para a Europa

São vários os temas de actualidade a fervilhar no momento em que escrevo este texto e aos quais a ideia de tripla se podiam aplicar. Desde logo ao futebol e às guerras de arbitragem em Portugal ou às guerras de personalidades em Espanha. Neste momento, só com uma tripla se pode ter a certeza o que vai acontecer com o braço de ferro Sporting / Comissão
Ler o artigo completo...
Comentários

Contrato Falhado (O Golpe Comunista de 91, a Reunificação e a Moeda Única)

Escrevo este texto no dia em que faz vinte anos do último estertor do comunismo soviético, com o golpe corajosamente rechaçado por Boris Yeltsin na Praça Vermelha. A partir desse momento a Europa passou a viver um forte dilema. Era fundamental manter o equilíbrio político e militar que valera décadas de paz e prosperidade, mas não se podia condenar
Ler o artigo completo...
Comentários

Portugal Fracturado (contra a institucionalização da caridade como política social)

Portugal tem uma longa história. No último século viveu cinquenta anos amordaçado por uma ditadura de brandos costumes mas profunda na desvitalização da modernidade e da ambição e no cercear da liberdade de expressão.Os outros cinquenta foram tempos conturbados. O Portugal libertado da Primeira República e da Revolução
Ler o artigo completo...
Comentários (1)
Ver artigos anteriores...